domingo, 10 de outubro de 2010

Nosso primeiro dia no Cairo

O vôo saiu de sp na hora certa, então esperávamos chegar também dentro do esperado e assim foi.
Lamento dizer que a Alitália é mesmo uma cia sofrível, e a única coisa que faz valer a pena a escolha é a economia no valor da passagem, porque a tripulação é absolutamente antipática, e faz de conta que não ouve o que perguntamos.
Super decepção. De certa maneira, em função dos italianos abrasileirados que conhecemos, temos a impressão errônea, de que eles são amigáveis como nós....peninha, nada mais distante da realidade.

E continuamos nosso caminho
Mais tres horas de viagem e finalmente chegamos ao Cairo.
Muitas pela primeira vez, e a emoção bate forte, mas as meninas aguentaram bem, já que amanhã é o dia D, vendo as pirâmides, então parece que todos estão economizando emoções.

O gostoso de viajar é essa volta a infância, que temos, cada vez que exploramos algo novo que ainda não fez parte do cotidiano e por isso mesmo parece tão encantador...
Chegamos ao aeroporto, e lá se vão mais fotos. Depois de conseguir encontrar todas as malas, hora do ônibus.
Ainda tínhamos energia como todos podem ver:
 Hotel, chaves, alguns tomaram banho, outro nada
E lá fomos nós direto para o Khan el Khalili, o real, que fica por aqui mesmo, para curtir o bazar.
Pensei que o melhor seria apresentar mesmo o mercado para o pessoal, já que iam se apaixonar de qq jeito, e então poderiam decidir quando e como voltar....
Morrendo de fome mas ainda assim todos sorridentes, afinal cara feia não faz a comida vir mais rápido mesmo náo é?

Nosso jantar não durou muito, todo mundo doidinho para comer. O Naguib Maghfouz é mesmo uma ótima opção, tudo estava uma delícia, e acho que o pessoal gostou.
Pertinho de tudo, é uma pedida muito boa para uma pausa ou mesmo, para a chegada no Cairo, bem com o pé direito na primeira noite.

Disse para as meninas não cederem ao impulso de comprar no primeiro momento, mas o desejo fala mais alto que o bom senso, e claro, já adicionaram ítens ao carrinho, logo depois do jantar
Festa na rua e povo reunido.

Antes da compra, shisha e boa música, acompanharam a galera.
Lessa Faker, Inta Omri, e outras canções clássicas embalaram nossas primeiras horas na cidade. Demorou para chegar lá mas valeu a pena ficar de molho no táxi.


Um bom café turco, servido com estilo encanta a muitos, e Tati, cedeu a tentação junto com seu amor Ronaldo.
É certo que só as duas tomaram café, mas a bebida faz parte de mim, então mãos a obra...


Estou caindo de sono, eu volto amanhã...para terminar o diário de bordo!
Beijos a todos
Lulu



3 comentários:

Nadia disse...

Salam aleikum Lulu, que bacana este diário de bordo... e que muitas saudades do Egito eu tenho!!!desejo á todos vcs uma linda viagem , cheia de magia e encanto e próxima vez eu vou!! Alitália só tem funcionário público precisa dizer algo mais... Já viajei muito com eles , inclusive de primeira classe diversas vezes e lá eles tentam ser um pouquinho mais simpáticos... Sua reportagem na revista shimmie está maravilhosa, bj da sua fã Nadia Greco

Aline disse...

que delícia!!!!!
aproveitem muuuuito!!!! e mande um beijão pra ju e família!!! hehehe
bjs

Emiliana disse...

Ai que emoção acompanhar esse diário de bordo.. dá pra imaginar como esta sendo essa incrível viagem!
Ouvi dizer que a dona Lulu tem um livro? Ou vai sair?
Muitas experiências! Que honra poder compartilhar de tudo isso!
C Deus quiser em breve irei em uma dessas suas viagens! Adoroo!!